Santo André, * *

Sindicato repudia fim da distribuição do “kit merenda” nas escolas
A pandemia de COVID-19 ainda não acabou e continua ceifando a vida de milhares de brasileiros todos os dias. Logo entrará o recesso escolar, no período de 12 a 23 de julho, e as famílias carentes ficarão desamparadas.

Por: Viviane Barbosa, Redação do Sindserv Santo André
Publicação: 02/07/2021

Imagem de Sindicato repudia fim da distribuição do “kit merenda” nas escolas

card-Sindicato

O Sindserv Santo André vê com preocupação o anúncio da Prefeitura que irá suspender a distribuição do “kit-merenda” para as famílias nas Emeiefs (Escolas Municipais de Educação Infantil e Ensino Fundamental), Creches, Cesas (Centros Educacionais de Santo André) e  EJA (Educação de Jovens e Adultos). (Abaixo mensagem em sua rede social fala do tema)

A Prefeitura justificou que o fim da distribuição se deve ao fato que 90% dos professores estão vacinados, as aulas presenciais já retornaram e as refeições estão sendo servidas nas escolas.

Mas não é essa a realidade atual nas escolas andreenses. Primeiro que as aulas presenciais não retornaram 100%. O  Decreto Municipal 17.679, assinado pelo Prefeito Paulo Serra (PSDB), determinou em 24 de maio o retorno presencial de forma gradual, não obrigatória, ou seja, de somente 75% dos alunos, e muitos ainda não voltaram, devido à pandemia de COVID-19, permanecendo no ensino remoto.

Outra questão é que nem todos os professores da rede estão 100% imunizados, uma parte tomou a primeira dose da vacina contra COVID-19 e a outra será vacinada até setembro.

Importante destacar que se hoje os trabalhadores e trabalhadoras da Educação estão sendo vacinados é foi fruto da luta da Greve Sanitária em Defesa da Vida dos Educadores, que iniciou em 24 de maio, quando Paulo Serra determinou o retorno presencial, sem vacinar a comunidade escolar e nem garantir as condições/protocolos sanitários de combate à COVID-19 nas unidades escolares.

A pandemia de COVID-19 ainda não acabou e continua ceifando a vida de milhares de brasileiros todos os dias. Logo entrará o recesso escolar, no período de 12 a 23 de julho, e as famílias carentes ficarão desamparadas.

O Sindserv Santo André pede à Administração Municipal e à Secretaria de Educação que mantenham, por uma questão de solidariedade e humanidade, a distribuição dos kits merendas para as famílias que estão em situação de vulnerabilidade, muitas estão passando fome, até que 100% das aulas presenciais sejam retomadas. 


Direção do Sindserv Santo André




Comunicação e Imprensa do SindServ Santo André
Agência: Mídia Consulte Comunicação & Marketing
Fone: 55 + (11) 9+6948-7446
Editora e Assessora de Imprensa: Viviane Barbosa MTB 28121
Redação: jornalismo@midiaconsulte.com.br

Mídia

Facebook

Galeria de Fotos

Dirigentes entregam Estopim e conversam sobre nefasta Reforma da Previdência - 19 a 23 de julho de 2021 - Sindicato