Santo André, * *

Sindserv Santo André repudia venda do terreno da UBS da Vila Guiomar
Sem dialogar com o Sindicato e com os servidores da saúde, Paulo Serra apresentou um Projeto de Lei 25/20, que foi votado em segunda votação na quinta-feira (24) pela Câmara.

Por: Viviane Barbosa, Redação Sindserv Santo André
Publicação: 24/09/2020

Imagem de Sindserv Santo André repudia venda do terreno da UBS da Vila Guiomar

UBS Vila Guiomar

Mais uma vez, o prefeito Paulo Serra (PSDB) passa o “trator” por cima dos servidores e da população andreeense.

Sem dialogar com o Sindicato e com os servidores da saúde, Paulo Serra apresentou um Projeto de Lei 25/20, que foi votado em segunda votação na quinta-feira (24) pela Câmara dos Vereadores, que vende o terreno da atual UBS (Unidade Básica de Saúde) Vila Guiomar. 

Segundo o Conselho Municipal de Saúde, a medida é arbitrária, pegou os servidores da UBS de surpresa e o terreno da Unidade seria vendido para o Colégio Liceu Jardim. Os servidores da Vila Guiomar irão para um novo espaço bem menor.

O Sindserv Santo André alertou sobre os prejuízos à Saúde dos munícipes andreenses que terão um espaço bem menor para serem atendidos devido à venda arbitrária da UBS.

RESPOSTA AOS VEREADORES DA BASE GOVERNISTA

Em resposta aos vereadores que disseram ao DGABC – matéria publicada na quinta-feira (24) pelo jornalista Fábio Martins – de que o Sindserv Santo André fez uso político ao usar seu caminhão de som contra o PL de Paulo Serra, o Sindicato é enfático: não existe motivação política, o Sindicato é a voz dos servidores e servidoras, é um instrumento de luta e sempre se posicionará favorável às lutas da categoria e na defesa intransigente de seus direitos.

O Sindserv Santo André exige respostas para essas perguntas:  “Por que o prefeito propôs na surdina esse projeto tão desvantajoso à nossa população? Por que não foi apresentado aos conselhos local e municipal de saúde? Qual será a capacidade dessa nova unidade, que funcionará em espaço menor?. Vai atender todas as especialidades, incorpora todos os funcionários ou haverá transferência? Vai sobrecarregar outros postos? 

Reiteramos que a população precisa ser consultada e respeitada. Temos conhecimento que até a assistência jurídica da Câmara é contrária ao projeto, que fere a lei de licitações e a Lei de Responsabilidade Fiscal.

Nossa luta em defesa dos direitos dos servidores andreenses e da saúde pública e qualidade para todos continua.

Direção do Sindserv Santo André




Comunicação e Imprensa do SindServ Santo André
Agência: Mídia Consulte Comunicação & Marketing
Fone: 55 + (11) 3136-0953 /  9+6948-7446
Editora e Assessora de Imprensa: Viviane Barbosa MTB 28121
Redação: jornalismo@midiaconsulte.com.br

Mídia

Facebook

Galeria de Fotos

Eunice Lopes, servidora de Limeira, é a nova presidenta da FETAM-SP