Santo André, * *

Sindserv Santo André repudia fechamento do Serviço Médico do Semasa
A Prefeitura informou que a partir do dia 14 de dezembro o atendimento será realizado pela Gerência de Saúde do Servidor, no mezanino do Prédio Executivo

Por: Viviane Barbosa, da Redação Sindserv Santo André
Publicação: 02/12/2019

Imagem de Sindserv Santo André repudia fechamento do Serviço Médico do Semasa

comunicado divulgado pelo Semasa

O Serviço Médico do Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André), em vigor há 50 anos, será extinto.  O aviso é da Prefeitura de Santo André que informou que o atendimento médico dos servidores semasianos passará a ser realizado a partir do dia 14 de dezembro por meio da Gerência de Saúde do Servidor (GSS), no mezanino do Prédio Executivo. (ver comunicado)

O Sindserv Santo André e os cerca de mil servidores semasianos ficaram estarrecidos com essa decisão, porque o Serviço Médico do Semasa sempre cumpriu com suas obrigações, sendo eficiente no atendimento aos trabalhadores e trabalhadoras.

O diretor do Sindicato, Eduardo Serrano, disse que a alegação para o fim do serviço foi a “contenção de despesas”, mas na prática essa medida acarretará em sérios  transtornos para os semasianos, além de sobrecarregar a Gerência de Saúde do Servidor (GSS).

“Os trabalhadores serão prejudicados. A Prefeitura não tem espaço e nem equipamentos para atender todas as ocorrências, que vinham sendo assistidas pelo Serviço Médico do Semasa”, conta.

O dirigente disse que a Prefeitura não consultou o Sindicato e nem os trabalhadores, que ficaram bastante chateados. “Como irão atender todos os casos de acidentes de trabalho? Não teremos mais o atendimento odontológico e nem acesso às campanhas de vacinação, tudo ficará a cargo da GSS. Infelizmente, fizeram essa mudança aproveitando-se de brechas no contrato de concessão da Sabesp que adquiriu o Semasa”, comenta.

Documento
O Sindicato e os trabalhadores elaboraram um documento destacando a importância dos atendimentos realizados pelo Serviço Médico do Semasa, que ao longo do últimos anos têm realizado um trabalho individual e exclusivo para cada cargo, respeitando suas especificidades de acordo com sua história de vida laboral.

Segundo o documento, sua estrutura foi elaborada e firmada com exclusividade de acordo com cada situação apresentada na vida do servidor em questões de acidente de trabalho, doenças ocupacionais e de doenças crônicas degenerativas.

“A equipe médica conhece todo o processo de saúde da vida do servidor; suas doenças ocupacionais, suas
doenças reabilitações e adaptações no ambiente de trabalho”, frisa trecho do documento.

O Sindserv Santo André está acionando o Departamento Jurídico para analisar que medidas em prol dos semasianos poderão ser tomadas.


Comunicação e Imprensa do SindServ Santo André
Agência: Mídia Consulte Comunicação & Marketing
Fone: 55 + (11) 3136-0953 /  9+6948-7449
Assessora de Imprensa: Viviane Barbosa Mtb-28121
Redatora: Vanessa Barboza Mtb-74572
Redação: jornalismo@midiaconsulte.com.br

Mídia

Facebook

Galeria de Fotos

Aniversário de 30 anos do SINDSERV Santo André - 28/11/2019