Santo André, * *

Sem água: Emeief Cora Coralina libera alunos e professores depois de denúncia do Sindicato
A higienização das mãos e dos ambientes é um dos protocolos recomendados pelos órgãos sanitários para conter a contaminação do novo coronavírus.

Por: Viviane Barbosa, Redação do Sindserv Santo André
Publicação: 04/06/2021

Imagem de Sem água: Emeief Cora Coralina libera alunos e professores depois de denúncia do Sindicato

card-Daisy

Após denúncia do Sindserv Santo André, a Secretaria de Educação determinou a suspensão das aulas na Emeief Cora Coralina,  que estava atendendo as crianças sem água desde às 11h de quarta-feira (2).
As professoras/professores e trabalhadores da unidade que tinham sido obrigadas pela Diretoria a permanecerem no local até 21h30, para realizarem reunião pedagógica semanal (RPS), também foram liberadas após o Sindicato denunciar à Secretaria de Educação.

A higienização das mãos e dos ambientes é um dos protocolos recomendados pelos órgãos sanitários para conter a contaminação do novo coronavírus.

"A gestão da escola manteve o atendimento normal das crianças de manhã até tarde, mesmo tendo conhecimento que o bairro não tinha água, isso é um absurdo e ao mesmo tempo preocupante pois desrespeita os protocolos de combate à COVID-19. Pedimos aos gestores que fiquem atentos aos protocolos e que tenham bom senso para proteger à vida", disse a sindicalista.

 

CANAL DE DENÚNCIAS
O  Sindicato criou um canal de comunicação de denúncias pelo whatsapp (11) 4433-1870 para que os profissionais da comunidade escolar andreense e o pais possam denunciar a realidade das condições sanitárias das aulas em meio à pandemia de COVID-19.

 




Comunicação e Imprensa do SindServ Santo André
Agência: Mídia Consulte Comunicação & Marketing
Fone: 55 + (11) 9+6948-7446
Editora e Assessora de Imprensa: Viviane Barbosa MTB 28121
Redação: jornalismo@midiaconsulte.com.br

Mídia

Facebook

Galeria de Fotos

Prova de Ascensão realizada em 05 de junho de 2021