Santo André, * *

Sindserv Santo André exige que o prefeito Paulo Serra cumpra sua palavra em mesa de negociação da Campanha Salarial
De maneira intransigente, negou-se a apresentar uma proposta salarial que significasse aumento real para o servidor e ainda impôs um reajuste escalonado em duas vezes

Por: Direção Sindserv Santo André
Publicação: 02/09/2019

Imagem de Sindserv Santo André exige que o prefeito Paulo Serra cumpra sua palavra em mesa de negociação da Campanha Salarial

Diante das recentes declarações do prefeito Paulo Serra, publicadas em um jornal de grande circulação na cidade, a Direção do Sindserv Santo André vem a público esclarecer o atual processo de negociação do Acordo Coletivo de Trabalho (ACT) 2019.

Até o momento, o Prefeito não cumpriu com nenhuma de suas promessas na Campanha Salarial. De maneira intransigente, negou-se a apresentar uma proposta salarial que significasse aumento real para o servidor e ainda impôs um reajuste escalonado em duas vezes que a categoria por fim resolveu aceitar em assembleia realizada em 14 de agosto.

Desde então, Paulo Serra tem se negado a enviar o projeto de lei do ACT para Câmara Municipal aprovar, conforme proposta da própria Administração na mesa de negociação. Lembrando que a categoria está desde maio, mês de sua data-base, sem reajuste salarial.

Surpreendentemente, no dia 30 de agosto, o Prefeito vai à imprensa afirmar que não haverá reajuste salarial este ano e que, no ano que vem, será aplicado um índice proporcional à inflação, caso haja dinheiro no caixa da Prefeitura em ano eleitoral. 

O que o Prefeito está fazendo é impor um ajuste de contas em 2019, às custas do arrocho salarial do servidor para em 2020, ano da sua candidatura à reeleição, propor um aumento um pouco acima da inflação e assim fazer propaganda eleitoral. Essa atitude tem nome e é, infelizmente, muito conhecida há várias gestões passadas em nossa cidade: oportunismo eleitoral!

Os servidores de Santo André, no entanto, conhecem seus direitos e não vão se deixar enganar. A inflação do último período já ultrapassa os 4% e um aumento salarial que não leve em conta o retroativo não significará outra coisa se não arrocho, perda salarial e desvalorização do serviço público.

O Sindserv Santo André reitera que está aberto ao diálogo e que não aceitará que os servidores andreenses, que garantem o bom funcionamento da cidade, tenham mais perdas salariais.

A Direção do Sindicato está visitando os locais de trabalho dos servidores para que em conjunto possa construir a resposta da categoria a essa situação.

Direção do Sindserv Santo André


Comunicação e Imprensa do SindServ Santo André
Agência: Mídia Consulte Comunicação & Marketing
Fone: 55 + (11) 3136-0953 /  9+6948-7449
Assessora de Imprensa: Viviane Barbosa Mtb-28121
Redatora: Vanessa Barboza Mtb-74572
Redação: jornalismo@midiaconsulte.com.br

Mídia

Facebook

Galeria de Fotos

23/08 - 1º Encontro de Servidores Cipeiros do Paço, Craisa, Semasa e Serviço Funerário